2015, Capítulo 7: Como Julho Entrou para a História

Todos os destaques do mês no Monkeybuzz para quem acaba de voltar de férias

2015, Capítulo 7: Como Julho Entrou para a História

Julho é aquele mês em que muita gente viaja no Brasil e o hemisfério norte (assim como vários outros países daqui do sul) estão de férias, então não acontece quase nada, certo? Bem, no meio da música, é exatamente o contrário.

A temporada que acabou de acabar mostrou sua força entre grandes lançamentos e ótimos anúncios, seja notícias sobre discos que estão por vir ou de bandas que farão shows pelo nosso país.

Se você passou julho (ou parte dele) viajando, chegou a hora de se inteirar naquilo que o mundo da música produziu e o Monkeybuzz comentou enquanto você tirava férias.

Novas Faixas

Se é música nova que nós queremos, foi isso o que tivemos - e vinda de nomes lendários, como New Order e David Gilmour (Pink Floyd). Uma das mais ouvidas no site durante o mês foi Peso do Corpo, da carioca Ventre. Por falar em Rio de Janeiro, a banda Letuce mostrou sua primeira novidade em algum tempinho. Como se não bastassem todas essas, alguns favoritos entre nossos leitores também apresentaram inéditas: Lana Del Rey, Garotas Suecas, CHVRCHES e o grande Pharrell Williams. Saldo mais do que positivo.

Discos Lançados

Não tem como, o disco que mais se destacou em julho de 2015 foi, como muitos já esperavam, o terceiro trabalho da banda australiana Tame Impala, seguido de perto pela parceria Wavves e Cloud Nothings e pelo álbum que Wilco lançou de surpresa (sim, de surpresa!). The Chemical Brothers não surpreendeu, mas também não decepcionou. Quem se deu bem foi quem curte música Pop, que ganhou novos discos de Tiago Iorc, Years & Years e Lianne La Havas. A melhor notícia de todas, contudo, é ver o quanto alguns novos nomes brilharam nessas semanas, como Zé Pi, Troco em Bala, Fábio de Carvalo e Gaax - todos fortíssimos candidatos a figurarem suas listas de preferidos do ano. Não deixe de ouvir também o que toe, The Internet e Titus Andronicus aprontaram - todos recomendados com selo Ouça.

Dicas do Ouça

Por falar nisso, a seção Ouça teve algumas dicas de peso nessas últimas semanas. Não perca Kins (esteja avisado: É bem viciante), a amapaense Lila, o francês Matthieu Chedid (com uma carreira já considerável) e, para os fãs de música Eletrônica, Jovem Palerosi.

Clipes

Rodrigo Amarante reservou dois lançamentos audiovisuais para julho de 2015: Mon Nom e The Ribbon, ambas de seu disco de 2013, enquanto Leo Cavalcanti mostrou ao mundo um clipe viabilizado por financiamento coletivo. Teve quem reservasse o espaço em vídeo para músicas novíssimas - caso de Foals, Weezer e de mais uma parceria entre Disclosure e Sam Smith. De qualquer forma, não tem como falar sobre o mês sem destacar o fato de Emicida e Kendrick Lamar terem lançado no mesmo dia clipes sobre a mesma temática (não é coincidência, é urgência para o diálogo!), e também Florence + The Machine lançar dois novos capítulos da saga videoclíptica com o diretor Vincent Haycock.

Entrevistas

Destroyer foi um dos destaques entre os músicos que soltaram o verbo nas páginas do Monkeybuzz em julho. Ao lado dele, estão a banda Mahmed e as novatas Dônica e EZTV. Rolaram ainda umas palavrinhas com Pedro Pastoriz (Mustache e os Apaches) e o jovem HALA.

MonkeyTV

Pausa para as leituras: A dica agora é ver os vídeos que apareceram no canal do site no YouTube, com Ian Ramil (Monkey Listening), Rubel e João Capdeville (ambos no programa Monkey Session).

Aniversários de Dez Anos

Três discos que muitos leitores do Monkeybuzz ouviram na última década completaram dez anos de seus lançamentos em julho: 4, do quarteto Los Hermanos, Idem, da brasiliense Móveis Coloniais de Acaju e a obra-prima de Sufjan Stevens. Em meio a tantas novidades, valeu a pena poder parar e relembrar alguns de nossos favoritos.

Futuros Discos

Vamos falar do que vem por aí? Julho deixou claro que teremos muitas novidades nos próximos meses, seja em álbuns ou EPs. O mais celebrado deles foi o próximo lançamento do grupo Gorillaz, que parece estar mais perto da concretização do que imaginávamos. Outro que nem parece verdade é o de outra banda britânica:? The Libertines - acredita? Ouvimos anúncios também de novos trabalhos de Battles, The Weeknd, Aphex Twin sob o nome AFX, uma parceria de Sun Kil Moon e Jesu e mais um trabalho da consagradíssima The Dead Weather. As cerejas no topo vem do EP de Robyn com o projeto La Bagatelle Magique e a notícia de que James Blake convidou coleguinhas mais que ilustres para seu próximo disco.

Shows no Brasil

O semestre promete! Foi em seu primeiro mês que ficamos sabendo que Mac DeMarco fará um retorno retumbante aos palcos tupiniquins (e essa foi a notícia mais lida no Monkeybuzz no período). Outra novidade de grande destaque é mais uma vinda da banda Foals ao país, assim como Explosions in the Sky. Antes de todos esses, é a vez de vermos Crocodiles já em agosto. Para nos ajudar a prepararmos nossas agendas (e nossas contas bancárias), La Dispute também já mandou avisar que chegará ao Brasil ainda em 2015, assim como Spoon e Sondre Lerche foram confirmados no Popload Festival.

Para nossa felicidade, a música não tirou férias. Que venham mais cinco meses excelentes até o fim do ano!

Artistas: Jovem Palerosi, Zé Pi, Matthieu Chedid, Gaax, Fábio de Carvalho, HALA, Lila, AFX, Kins, David Gilmour, Dônica, EZTV, Jesu, Troco em Bala, João Capdeville, Sondre Lerche, Years & Years, Sun Kil Moon, Pharrell Williams, La Dispute, Ian Ramil, The Internet, Robyn, Ventre, Mahmed, toe, Sam Smith, Rubel, Mac Demarco, Kendrick Lamar, The Weeknd, CHVRCHES, Disclosure, Pedro Pastoriz, Leo Cavalcanti, Tame Impala, Explosions in the Sky, Crocodiles, Letuce, The Dead Weather, Emicida, The Chemical Brothers, Sufjan Stevens, New Order, Battles, The Libertines, Spoon, Rodrigo Amarante, Lianne La Havas, Wilco, Tiago Iorc, Los Hermanos, Titus Andronicus, Wavves, Lana Del Rey, Florence + The Machine, Destroyer, Gorillaz, Cloud Nothings, Foals, James Blake, Móveis Coloniais de Acaju, Garotas Suecas

Marcadores: Guia